Curso Primeiros Socorros para Cães e Gatos

Parada Respiratória e Cardíaca, Desmaios, Estado de Choque e Convulsões

O nosso objetivo neste curso é capacitar profissionais que lidam com cães e gatos, diariamente, e ensinar procedimentos fundamentais para que sejam iniciados os primeiros socorros em diversos tipos de acidentes, envolvendo cães e gatos.

Você aprende a identificar a gravidade da situação de um animal e classificá-la como urgência ou emergência, o que é essencial para iniciar o atendimento adequado. Conhece os procedimentos que devem ser realizados em casos de parada respiratória e cardíaca, desmaios, estado de choque e convulsões.  

Este curso é oferecido em dois formatos: em livro + DVD ou online.

  

Será que você sabe tudo sobre cachorros?

Seu animalzinho sente ciúmes quando você brinca com outro cão, mas não sente remorso quando faz alguma coisa errada. Você sabia que o convívio entre homens e cachorros já tem mais de 15 mil anos? E essa amizade é tão sincera que é comum acharmos que sabemos tudo a respeito do nosso animal de estimação favorito.

Então talvez você se assuste com os fatos a seguir, mas acredite: a verdade é que você não sabe tudo – ainda – a respeito de cachorros.

Dicas para avaliar a saúde do seu cachorro

Em todo e qualquer caso o melhor a se fazer é procurar um veterinário de confiança, pois só ele pode avaliar qual é o melhor tratamento para o seu peludo.

Se você já falou com o veterinário, mas ainda assim não se sente seguro, procure uma segunda opinião. Isso é muito normal e é até saudável quando estamos falando da saúde de quem amamos.

Embora os veterinários sejam treinados e estudem muito para detectar sinais de doenças nos nossos amigões, você pode ajudar muito, e ter um papel fundamental na detecção do problema e na chance de recuperação do seu peludo se souber o que procurar e o que deve ser levado ao conhecimento do seu veterinário o quanto antes.

Para quem quer estar atento aos principais sinais de problemas de saúde nos nossos amigões, aí vão as nossas dicas:

Vegetais e frutas que seu cachorro e gato pode comer

Embora não seja essencial à dieta dos cães e gatos, a adição de vegetais frescos e variados tem vantagens interessantes: é fonte de fibras, fornece valiosos antioxidantes (nutrientes que combatem o câncer e as inflamações) e uma infinidade de outras substâncias benéficas à saúde e, de modo geral, acrescenta poucas calorias à dieta.

Os gatos, por serem carnívoros estritos, podem consumir uma quantidade ainda menor de legumes e verduras. É por isso que em nossas sugestões de dietas caseiras para gatos entram vegetais em proporção reduzida (cerca de 5 a 10% do total diário de alimentos). Os felinos aproveitam os efeitos positivos das fibras, que facilitam a eliminação das fezes e de bolas de pêlos.

Como garantir o bem-estar de cães e gatos nas festas de fim de ano


Se as festas de Natal e ano-novo são motivos de alegria para muitos, para cães e gatos essa época pode ser traumática. Fogos de artifício, grande número de visitas em casa e alimentos natalinos ameaçam o sossego e a saúde dos bichos de estimação.
Mas algumas dicas de como cuidar de seu animalzinho ajudam a prevenir problemas. Os donos precisam ser proativos e se programar com seus animais muito antes da noite de Natal e Ano Novo. Com a rotina completamente modificada durante as festas, os animais podem ficar agressivos.

Raça de Cachorro - Mastiff

Mastiff é uma raça canina oriunda do Reino Unido. De origem antiga, vê-se desenhos egípcios com estes caninos datados de 3000 a.C. Até mesmo um dos césares viu a força e a coragem destes animais quando lutaram ao lado dos ingleses em 55 a.C. Impressionado pelas qualidades desta raça, o imperador os popularizou como guerreiros em lutas contra touros, leões e até mesmo gladiadores. Conhecidos como cães de guarda, são considerados excelentes guardiões. Fisicamente, é ainda um dos maiores cães reconhecidos pela FCI.

Raça de Cachorro - Old English Sheepdog

O Old English Sheepdog, também conhecido como bobtail, devido a sua cauda cortada, ou pastor inglês, é uma raça de cão de origem incerta. Apesar das especulações sobre sua ascendência terem três conhecidas possibilidades, a mais aceita é a dos cães pastores continentais, incluído o pastor de Brie.

Usados até o século XIX como animais de trabalho, serviam aos fazendeiros como pastores rápidos de ovelhas e para levar o gado aos mercados. Adiante, por volta da década de 1880, iniciaram os cruzamentos artificiais para as exposições, o que inibiu seus instintos agressivos.


10 coisas que meu cachorro me ensinou


O sábio psicanalista Sigmund Freud disse:

“Cães amam seus amigos e mordem seus inimigos, bem diferente das pessoas, que são incapazes de sentir amor puro e têm sempre que misturar amor e ódio em suas relações”.

Reconhecidos por sua boa companhia, ingenuidade e amor puro, os cachorros são o tipo de pet que todo mundo ama. Difícil encontrar aquele que não se encanta com os ensinamentos e alegrias que um cãozinho pode trazer.
Sem nem mesmo perceber, seu cão pode ter lhe ensinado muito sobre a vida. Abaixo, 10 dos mais valiosos aprendizados que um cão pode trazer: